Vidas passadas só que paralelas

O passo que danço é o compasso do canto que me guia a caminhada. Ora tropeço ora me caio, de soslaio, o tombo investigo e me rio. Deixo-me desaguar na esperança da transformação. Rio que me corre as ventas e vai desabar no mar. Oceano que me ondas e me viajas as profundezas de um... Continuar Lendo →

lei da atração

o universo é paciente e está ciente de todas nossas escolhas feitas desfeitas refeitas a cada vinho que tiramos a rolha. O corpo é um emaranhado de células átomos mas ondas e em cada caso pensado ele nos responde se foi amado ou desrespeitado. as possibilidades são infinitas sejamos um monge ou uma mente aflita... Continuar Lendo →

Sou muitos!

O ar que me falta é a falta que faz morar-me em matéria e sentir o vazio de ser um ponto: apenas um indivíduo e pronto. Sou muitos! Felipe Abras Para conhecer um pouco do trabalho que faço com Geometria Multidimensional, clique no link: felipeabras.com/canalizacao-geometria-sagrada Se você se interessa por massagens terapêuticas e energéticas, confira... Continuar Lendo →

“O outro em si”

No último domingo, 27/08/2017, eu tive o prazer de assistir ao espetáculo "o outro em si", da Cia Sesc de Dança. Desse momento inenarrável, nasceu o poema: Ele se perdeu andou andou andou e se perdeu em tudo que se envaideceu ele se buscava em todas as portas que escancarava entrava saia os pormenores, media... Continuar Lendo →

Caminhos tortos

A gente tenta ser mais, mas o frio esquenta e sem mais, viver a esmo vira mais uma nuance do cabresto este ponto que nos retiramos e aos poucos nos enganamos sobre o que pode ser ou sobre o que queremos ter, o conforto parece asas eleva-nos a quartos escuros a submundos, de nós mesmos... Continuar Lendo →

Onde está a cura?

Medicamento não cura atrasa o aprendizado e o problema perdura. Se você não quer entender é sua cabeça que é dura. Até quando a indústria irá nos ludibriar com a ideia estapafúrdia de que algumas doenças não tem cura? Em nossas células está a informação de que necessitamos para a evolução. Não escutá-las custará cédulas... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑