Um completo incompleto

Completo Nada perfeito Emito meu som Desfaço a ilusão, Outro. Somos pedaços do infinito Amigo Ou inimigo, Um: Convergência de várias ondas Que ora Em uníssono É mel dulcíssimo. Imperfeito Completo Um humilde pecador Da igreja me afastei No cabresto não me encaixei O que não cabe Dou cabo Abandonei. Vi que Deus está na... Continue lendo →

Invenção

Invento a sorte ao vento Que leve a morte embora Encerre a falsa vida Fluir o medo é hora. O ar não para É constante respiração Somos o conjunto Terra. Enquanto houver respiro É pra ti que miro O foco alto a gritar Da essência que nasce ao luar. Invento a sorte aos lentos Os... Continue lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑