lei da atração

o universo é paciente e está ciente de todas nossas escolhas feitas desfeitas refeitas a cada vinho que tiramos a rolha. O corpo é um emaranhado de células átomos mas ondas e em cada caso pensado ele nos responde se foi amado ou desrespeitado. as possibilidades são infinitas sejamos um monge ou uma mente aflita … Continue lendo lei da atração

Desconstrução

O corpo é fluido a pele é pena a memória é até pequena mas do intuito, eu me lembro: é desconstrução de emoções, que alguns membros arrancaram e me relegaram à separação. hoje, desconstruído olho-me o umbigo e me equilibro a razão ela não manda mais apesar de ainda tentar afogar minha paz. Felipe Abras

O corpo nu

o corpo veste a alma e nunca se cala a expressão e a calma, da alma do corpo objeto da criação é criação constante células vibrantes cantantes dançantes por liberdade por expressão da alma mas a calma se cala e o grito emerge da alma quando o sexo o falo e a falta são impostos … Continue lendo O corpo nu

fogo

O fogo queima se a pele teima em repetir o passado o conforto sempre vivido agora, assado morto e enterrado. a natureza não é dual ela faz seu dever sem julgar ou temer o que está pela frente não importa o que a gente tente vai queimar se estiver na hora de ir e a … Continue lendo fogo

Sou muitos!

O ar que me falta é a falta que faz morar-me em matéria e sentir o vazio de ser um ponto: apenas um indivíduo e pronto. Sou muitos! Felipe Abras

Caminhos tortos

A gente tenta ser mais, mas o frio esquenta e sem mais, viver a esmo vira mais uma nuance do cabresto este ponto que nos retiramos e aos poucos nos enganamos sobre o que pode ser ou sobre o que queremos ter, o conforto parece asas eleva-nos a quartos escuros a submundos, de nós mesmos … Continue lendo Caminhos tortos

Se é de átomo, dança!

Se é de átomo dança pegue seus óculos e repare diáfano é o espaço vasculhe bem dentro ache seu centro irá entender que nosso viver não é estático é onda viaja. É um falso desejo de estagnação que para o compasso e faz tanto caso da Criação. Felipe Abras