Tudo ou nada

tantas guerras travadas por quase nada internas são as digressões, cenários estratos do nada reverberam medos ilusões que nos levam a nada além de medo ansiedade fome e nada tantos lindos cenários perdidos por nada aff.... do nada ao tudo ou nada nos apavoram os rios, criamos barragens não queremos repetir o enredo repetimos o... Continuar Lendo →

Solar

Energia Flui naturalmente De dentro de nossa mente Intenções Além do bem e do mal Reverberam em dispersões Eco Do que pensamos Criamos Voos Imaginados Criam asas De dentro de nossas casas Confluências Desejos de permanência Constringem a existência Do amar A imensidão infinitesimal Compactada Em um só lar Quando pode ser tão grande Quanto... Continuar Lendo →

Tudo é mente

Entrego a morte ao diabo Ele mesmo que foi inventado Que cuide da criação da mente material. Pratos rasos superfícies Não cabem tamanha deturpação Do maldito imaginário De quase toda a população. Tudo é mente Não invente! Ninguém morre Vai pra Casa. Se os micróbios se aprazem com carne podre Não serei eu a matar... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: