Tudo ou nada

tantas guerras travadas por quase nada internas são as digressões, cenários estratos do nada reverberam medos ilusões que nos levam a nada além de medo ansiedade fome e nada tantos lindos cenários perdidos por nada aff.... do nada ao tudo ou nada nos apavoram os rios, criamos barragens não queremos repetir o enredo repetimos o... Continuar Lendo →

Artista cria-dor, Amor

eu você nós eles elas quem? por onde? até quando? já foram? voltamos quando? caminhos, direções perdidas achadas ou foi o encontro do antigo? antes não era o amanhã que se foi ou amanhã é o ontem que não foi? quantos são os encontros que religam almas? quantas são as almas que se encontram e... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: