Gratidão

aos que aqui agora
lutam
sangram
batalham por minorias
expresso minha gratidão
e vos digo: não será em vão!
cada passo
cada grito
cada bala que carregamos no peito
são escadas da evolução.
viver é sentir
amar
construir perder
chorar aprender
criar e dançar,
a morte é ilusão
morre todo dia
quem não se levanta e se guia.
mas quem, pela mudança
se transformou e daqui se foi
nunca vai
é infinito é eterno
é amor
a dor
é fruto da mente que estanca
em cada crença que espanta
a fluidez do amor.
impermanência rege a dança
vai vem vamos ficamos
levamos o que aprendemos
e o quanto amamos.

Felipe Abras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s